Alterar o tamanho da fonte
Data/Hora: terça fev 19, 2019 8:16




Criar um novo TópicoResponder Página 1 de 1   [ 1 Mensagem ]
Autor Mensagem
 Assunto da Mensagem: Deco acusa eDreams e Rumbo (preços abaixo dos cobrados)
MensagemEnviado: segunda jul 14, 2014 10:10 
Site Admin
Avatar do Utilizador

Registado: sexta jun 23, 2006 15:20
Mensagens: 5556
Caros,

In I Online:
Citar:

Deco acusa eDreams e Rumbo de publicitarem preços abaixo dos cobrados


A lei nacional obriga a que o preço anunciado inclua todos os encargos: “Denunciamos esta irregularidade nos preços à entidade responsável pela aviação civil [o INAC, atualmente denominado ANAC], ao Turismo de Portugal, ao Governo e à ASAE [Autoridade de Segurança Alimentar e Económica], que é a entidade competente em matéria de fiscalização de preços”, contou Carla Varela

A Deco acusou hoje as agências de viagens de venda ‘online’ eDreams e Rumbo de publicitarem nos ‘sites’ preços de voos mais baratos “em regra” do que os efetivamente cobrados aos clientes.

A conclusão resulta de uma análise da associação de defesa do consumidor aos sítios na internet de quatro agências de viagem de venda ‘online’ – Rumbo, eDreams, Logitravel e netviagens - e de cinco companhias aéreas ‘low cost’ [de baixo custo]- Ryanair, easyJet, Transavia, Vueling e Condor –, as empresas com mais reclamações à Deco por causa do transporte aéreo.

O objeto do estudo era averiguar a transparência de preços e a informação disponibilizada nos sítios na internet quanto aos direitos dos passageiros.

Através da compra simulada de “dezenas” de viagens, com e sem bagagem e seguro, só de ida e de ida e volta, entre outros exemplos, a associação encontrou, especialmente no que toca aos preços, “muitas irregularidades”, segundo a jurista da Deco, Carla Varela.

Os preços que a Rumbo e a eDreams anunciam são sempre mais baratos do que os efetivamente cobrados”, contou, explicando que no final da operação de compra é que estas agências dão a conhecer a cobrança de comissões de serviço, de gestão ou de reserva.

Em algumas simulações em agências de viagens, os técnicos da Deco depararam-se com preços mais baratos do que os anunciados pela própria transportadora aérea, um valor que a associação diz que se “vem a verificar não ser verdade”.

A lei nacional obriga a que o preço anunciado inclua todos os encargos: “Denunciamos esta irregularidade nos preços à entidade responsável pela aviação civil [o INAC, atualmente denominado ANAC], ao Turismo de Portugal, ao Governo e à ASAE [Autoridade de Segurança Alimentar e Económica], que é a entidade competente em matéria de fiscalização de preços”, contou Carla Varela.



Jopeg

_________________
A minha agência de viagens é cada vez mais o meu computador !


Partilhar no Facebook Partilhar no Twitter Partilhar no Orkut Partilhar no Digg Partilhar no MySpace Partilhar no Delicious Partilhar no Technorati
Topo
 OfflinePerfil  
 
   
 
Avatar do Utilizador


Topo
 
Mostrar mensagens anteriores:  Ordenar por  
Criar um novo TópicoResponder Página 1 de 1   [ 1 Mensagem ]


Quem está ligado:

Utilizadores a ver este Fórum: Nenhum utilizador registado e 2 visitantes


Criar Tópicos: Proibído
Responder Tópicos: Proibído
Editar Mensagens: Proibído
Apagar Mensagens: Proibído
Enviar anexos: Proibído

Ir para:  
cron


Powered by phpBB © 2000, 2002, 2005, 2007 phpBB Group
610nm Style by Daniel St. Jules of Gamexe.net

Traduzido por phpBB Portugal